Saúde: como vai a sua?

É frequente atualmente ouvirmos falar em vida saudável, viver com saúde, é importante cuidar da saúde. A atenção de toda a imprensa trata do assunto, basta ligar a TV, o rádio do carro, folhear uma revista, ou pesquisar na internet.

Prova disso são os 273.000.000 resultados para buscar por “saúde” no Google.  Mas afinal, o que é essa saúde tão cobiçada?

O primeiro conceito de saúde foi “ausência de doença ou enfermidades”, mas a partir de 1940 a Organização Mundial de Saúde (OMS) definiu saúde como, “estado de completo bem-estar físico, social e espiritual, e não somente a ausência de doença ou enfermidades”. Portanto, o que cobiçamos hoje não significa apenas evitar a morte ou  alcançar um corpo escultural, mas principalmente aproveitar a vida com total disposição e equilíbrio.

O comportamento do homem reflete, benéfica ou maleficamente no seu corpo, na sua psique e nos seus sentimentos. Ser saudável então é colocar você no controle dos seus comportamentos, trata-se da vinculação direta da saúde com o estilo de vida.

E como conseguir isso? Como garantir uma saúde global sem precisarmos viver dentro de uma bolha?

O primeiro passo é vencer o mercado de vícios, que se reinventa cotidianamente criando novos atrativos e conquistando mais adeptos. Pois na vida que levamos não é nada fácil guiar nossas ações para uma rotina mais saudável. Depois de um dia exaustivo, por exemplo, você chega em casa e o que é mais fácil: se trocar para ir se exercitar ou sentar na poltrona e e assistir a TV com seu super controle remoto e a programação de mais de 200 canais? E para completar, que tal um lanchinho rápido?

O vício não é apenas um problema social, ou moral ou criminal. É um problema cerebral cujos comportamentos se manifestam em qualquer área. É a repetição sistemática de certas atitudes. Por isso devemos combatê-lo!

O combate ao vício se inicia internamente, você precisa assumir a descisão de modificar essas atitudes prejudiciais, precisa escolher agir pela saúde, cuidar do seu corpo!

Sabe aquele CD que está guardado a sete chaves, muito raro que você demorou para encontrar e não empresta a ninguém? Esse é o seu corpo!

Para optar pelo que faz bem basta seguir 6 dicas:

  • manter o corpo ativo, se exercitando regularmente;
  • alimentar-se de acordo com o que o corpo PRECISA;
  • controlar o peso e a composição corporal, mantendo-os dentro dos limites adequados à sua estatura;
  • dormir bem (o suficiente e com qualidade);
  • não fumar;
  • não usar drogas psicotrópicas.

Essas dicas não são suficientes para te fazer viver para sempre. Mas combinadas, compõem um estilo de vida que resulta em um círculo virtuoso de bem-estar e longevidade. São hábitos que ajudam o corpo, a mente e o espírito a encontrarem o equilíbrio para o ótimo funcionamento!

Teste como anda sua saúde – aqui

Os comentários estão encerrados.